O polêmico Jack 3D






O suplemento promete aumento de força, disposição, massa magra e queima de gordura. Ingerido no pré-treino, deve ser diluído em água, e dá um "gás" a mais na hora de levantar peso. O problema é que ele não tem registro na FDA, agência americana que regula o consumo de alimentos e remédios e, muito menos na Anvisa.

O produto é composto de dois complexos: um com substâncias que agem no sistema nervoso central e autônomo e o outro que é à base de aminoácidos e moléculas de energia, como L-arginina, creatina mono hidratada, beta-alanina e alfa-cetoglutarato.

Um dos princípios ativos é a teofilina, indicada para o tratamento de bronquite e asma. A teofilina não pode ser considerada como um suplemento e sim, um remédio, já que fornece energia ao paciente asmático, diminuindo a falta de ar. Em contrapartida, aumenta o risco de arritmia, elevando a freqüência e o número de contrações do coração. Não sabe-se ao certo a quantidade de teofiliana presente no produto, já que a mesma não é informada pelo fabricante. O pseudo suplemento ainda contém benzodiazepinas, que atuam no sistema nervoso central diminuindo a atividade cerebral, por essa razão utilizadas em ansiolíticos, sedativos e ralaxantes musculares. Não há o porque em se utilizar duas substâncias com efeito contrário num mesmo produto.

Devido à presença de medicamentos, substâncias perigosas e com efeitos pouco estudados em seres humanos o Jack3d oferece risco à saúde, de tal forma a prejudicar o funcionamento dos rins e do fígado. Outros efeitos colaterais já comprovados são vômitos, diarréia, aumento da pressão arterial, cefaléia, insônia, irritabilidade e taquicardia. Além de tudo, ele tem substâncias consideradas dopping o que pode levar a suspensão de atletas em competição, se flagrados em um exame.


O que se pode concluir é que o melhor suplemento para você não é o que sua colega da academia ou o seu personal indicam e sim o que realmente faz bem para sua saúde. E, fique sabendo que os profissionais da saúde afirmam que é possível obter ótimos resultados aliando treino e alimentação adequada.

Fonte: Revista Woman's Health


rodape